fbpx

5 vantagens do coworking para a sua rotina de trabalho

Nos últimos anos, muitas pessoas começaram a considerar o trabalho em modo home office. Atualmente, esses empreendedores e profissionais realizam boa parte de suas tarefas em espaços residenciais ou, inclusive, em ambientes compartilhados. Por isso, decidimos contar para você quais são as vantagens do coworking!

Mas afinal, em que consiste esse tipo de local? Em resumo, o coworking é um método inovador. Ele conta com a mesma infraestrutura de um escritório tradicional, mas pode ser dividido com empresas de diferentes tipos ou, até mesmo, freelancers que trabalham remotamente.

De acordo com o Censo Coworking Brasil, existem mais de 1400 espaços com esse formato no Brasil, espalhados em 195 municípios. Ainda assim, pouca gente sabe quais são os benefícios do coworking e como aproveitá-los da melhor forma.

Para tirar as principais dúvidas, confira este artigo que preparamos especialmente sobre o assunto e conquiste qualidade de vida profissional!

1. Vantagens do coworking: economia

Não poderíamos começar o nosso artigo sobre as vantagens do coworking sem citar o custo-benefício dessa modalidade.

Ao investir na ideia, os profissionais podem aproveitar uma enorme economia financeira referentes ao uso de energia elétrica, os serviços de manutenção e limpeza e, inclusive, a estrutura de um escritório completo.

Vale lembrar que, na maioria das vezes, os escritórios compartilhados também contam com especialistas para lidar com uma série de imprevistos que podem ocorrer ao longo de uma jornada de trabalho.

Um exemplo disso é a queda de energia. Desse modo, você não precisará se preocupar em resolver tais situações, uma vez que outras pessoas estarão encarregadas de solucioná-las.

2. Benefícios do coworking: pouca burocracia

Entre as principais vantagens do coworking não podemos esquecer da baixa burocracia.

Para trabalhar em um espaço compartilhado não tem segredo: basta você visitar o local, fechar um plano, assinar um contrato e levar o seu equipamento de trabalho. Inclusive, esse sistema pode ser ainda mais simples em coworkings instalados em prédios residenciais, já que o seu uso é exclusivo para os moradores do empreendimento.

Recentemente, os coworkings ficaram mais flexíveis, visando atender a um número maior de pessoas. Assim, você pode utilizar o local acertando um valor por dia, por semana, por mês, por semestre ou apenas pagando o condomínio do prédio, caso o espaço esteja localizado no empreendimento onde você mora.

O mesmo não acontece em um escritório tradicional. Na maioria das vezes, o profissional se vê obrigado a assinar um contrato por um prazo mínimo e a permanecer no espaço durante o período combinado. Caso contrário, diversas multas e taxas podem ser cobradas. Em média, esse tempo varia entre seis meses e um ano, com a oportunidade de renovação.

Vantagens do coworking

3. Vantagens do coworking: mais profissionalismo

Para ter foco no trabalho é necessário ter um ambiente adequado. Portanto, trabalhar em casa nem sempre é a melhor opção. Afinal, interrupções e distrações podem ser prejudiciais no seu desempenho e atingir a sua produtividade.

Outro grande questionamento quando se adere ao home office é: como receber clientes ou fornecedores em casa sem parecer algo informal? A resposta para isso pode ser ter um coworking à disposição no seu prédio.

Nesse espaço, você conta com algumas salas de reuniões privativas, além de mobílias profissionais para melhor receber os seus clientes e parceiros.

Ou seja, com um coworking no seu condomínio você certamente terá toda a infraestrutura necessária para recebê-los.

4. Benefícios do coworking: excelente infraestrutura

Independentemente de o seu coworking estar localizado em um edifício comercial ou um prédio residencial, uma coisa é fato: a sua produtividade aumentará de maneira significativa.

O motivo para essa mudança? É simples: esses espaços contam com excelente infraestrutura e ambientes pensados especialmente para oferecer comodidade no decorrer de uma jornada de trabalho.

Aqui, precisamos destacar as cadeiras, mesas e bancadas fabricadas com base nos principais conceitos de ergonomia.

Em outras palavras, esses detalhes garantem que o seu foco e a sua produtividade aumentem, mas sem comprometer a saúde com tendinites, dores nas costas e demais complicações originárias de ambientes mal planejados.

5. Vantagens do coworking: possibilidade de fazer networking

Quem trabalha em casa, sem se reunir com outras pessoas, costuma se queixar da falta de interatividade.

Afinal, nesses ambientes, temos o costume de passar um bom período isolados, convivendo apenas com os membros das nossas famílias.

Entretanto, isso não precisa continuar a ser um problema, caso você decida trabalhar em um escritório compartilhado.

Por ser um local que abriga diferentes empresas e profissionais, você terá a chance de conhecer novas pessoas, aumentar a sua rede de contatos, divulgar as suas ideias e, quem sabe, até formar parcerias interessantes.

Nesse sentido, uma boa dica é aproveitar as áreas comuns, como o cantinho do café, as cozinhas e o lounge, entre outras. Por exemplo, quem sabe você não consegue conhecer quem mora no mesmo prédio e, desse modo, conquistar um novo cliente?

Dica extra

Mas como tudo o que é bom pode melhorar, as vantagens do coworking em um prédio residencial são ainda maiores.

Assim que decidir se mudar para um empreendimento com esse diferencial, você conseguirá aproveitar os benefícios já citados, além de garantir mais segurança e ter a possibilidade de ir para o trabalho a pé, sem depender de automóveis particulares ou do transporte público. Vale a pena considerar!

Esperamos que, com esta leitura, você tenha percebido os benefícios do coworking para a sua vida profissional. Caso queira conferir outros materiais especiais iguais a este, aproveite para acompanhar as nossas redes sociais: Facebook, Instagram e YouTube. Nos vemos nelas!

Categorias e Tags relacionadas